Category Archives: HashBrum

#hashbrum: Moseley Road Baths Tour – Video

I’ve been working all week in my HashBrum school project, and today i can present the latest installment for one of the major stories there: the Moseley Road Baths. I was there last Saturday shooting the tour, and i fell in love with the place. It’s a beautiful building left to ruin, with a huge importance for the community that serves. It’s Birmingham in all of it’s schizophrenia: out with the old, no matter how valuable it is, in with the new, no matter how bad it will be. We suffer the same in Portugal.

This video was shot with a Sony DV cam, and it has a Lars von Trier feel (it is shaky and out of focus, strange cuts in between). I like how it looks, anyway, but I’d appreciate to hear from you, and know what ideas and suggestions you might have for me and my video making.

I have to thank Steve Beauchampe for being such a great tour guide – passion helps – and Rachel Gillies for the support.

The music is by Ludovico Einaudi, from his latest and most beautiful album, “Nightbook”. Buy it.

Passei a semana toda a trabalhar no meu projecto da escola Hashbrum, e hoje posso apresentar a última parte de uma das maiores histórias no site: Moseley Road Baths. Estive lá no Sábado passado a filmar a visita, e apaixonei-me pelo sítio. É um belo edifício esquecido e arruinado, com uma importância enorme para a sua comunidade. É Birmingham em toda a sua esquizofrenia: fora com o velho por mais valioso que seja, venha o novo por pior que seja. Sofremos do mesmo em Portugal.

Este video foi filmado com uma DV da Sony, e tem ares de Lars von Trier (está tremido e desfocado, cortes esquisitos pelo meio). Gosto do aspecto dele assim mesmo, mas gostava de ouvir as vossas ideias e sugestões que possam partilhar comigo, para que possa melhorar os meus videos.

Tenho que agradcer ao Steve Beauchampe por ser um guia fantástico – a paixão ajuda – e à Rachel Gillies pelo apoio.

A música é de Ludovico Einaudi, do seu mais recente e lindíssimo álbum “Nightbook”. Comprem-no.

#brum: website & videos

These last few days have been dedicated to the development of my MA project, that i’m doing with some other colleagues. The idea has evolved quite fast and it has room for changes. The goal is to have a hyperlocal website dedicated to feature stories that relate closely to Birmingham communities.  The name is #Brum.

I’ve built the website, and i’ve been experimenting with video. These are the first examples of the work i’ve started last Wednesday. The video above is more recent, and it was shot with a DV cam, and it’s a investigative report headed by Andrew Brightwell about the swimming pools in the city. He is, in fact, going to swim in all of them and we’ll try to put together a multimedia package. More video will come out of this, and you can see more here.

The second video is too long and shaky, but it’s an interesting guided tour of the “Bodies Revealed” exhibition. I went with Caroline Beavon, and we had this great conversation with the curator of the show. It was shot with a Flip camera, that is really great to use, but technically limited.

I’d like to hear your opinion not only about the videos but also about the project. Bear in mind that this is still at the beginning and is going through major changes and corrections.

Estes últimos dias foram dedicados ao desenvolvimento do meu projecto de mestrado, que estou a fazer com alguns colegas. A ideia evoluiu bastante depressa e ainda pode mudar. O objectivo é criar um site hiperlocal dedicado a reportagens que se relacionem de perto com as comunidades de Birmingham. O nome é #Brum.

Construí o website, e tenho andado a fazer experiências com video. Estes são os primeiros exemplos do trabalho que comecei na última quarta feira. O video acima é o mais recente, e foi filmado com uma câmara DV, e é uma investigação feita pelo Andrew Brightwell sobre as piscinas da cidade. Aliás, ele vai mesmo nadar em todas elas, e vamos tentar criar um pacote multimédia para esta história. Vão haver mais vídeos deste trabalho, e podem ver outros aqui.

O segundo vídeo é muito longo e tremido, mas é uma visita guiada muito interessante à exposição “Bodies Revealed” Fui com a Caroline Beavon, e tivemos esta excelente conversa com o responsável da exposição. Foi filmado com uma Flip, que é muito agradável de se usar, mas limitada tecnicamente.

Gostava de ter a vossa opinião não só sobre os videos mas também sobre o projecto. Tenham em conta que ainda está mesmo no princípio, e que ainda serão feitas alterações e correcções.